Como perdoar uma traição

Passar por uma situação como essa não é algo fácil, mas nem sempre isso deve significar o fim de tudo. Se você ainda mantém uma chama de esperança em seu relacionamento, é interessante saber como perdoar uma traição.

É verdade que pode ser uma tarefa bem difícil, mas não se trata de algo impossível. Então, se você precisa de alguma ajuda para saber como perdoar uma traição, basta continuar a sua leitura nos próximos parágrafos.

Como perdoar uma traição?

Ainda que para muitas pessoas não exista perdão para traição, não se apegue a isso. Afinal de contas, a única pessoa capaz de tomar essa decisão é você mesmo.

Então, sempre faça um balanço da situação. Caso realmente esteja disposta a esse golpe de misericórdia, algumas dicas de como perdoar uma traição são as seguintes:

Pense sobre os seus sentimentos

Até pode acontecer de o seu parceiro se mostrar arrependido, mas isso não quer dizer, necessariamente, que ele sabe a dor da qual está passando.

Por isso, a nossa primeira dica é que você sente com o seu cônjuge e tenha diálogo aberto, assegurando-se de que ele entende o peso da situação.

Então, tire um tempo para si mesmo e pense em toda a situação. Permita que os sentimentos venham à tona e procure entender cada um deles.

Tenha um diálogo honesto

Assim que você entender o que está passando, tenha um diálogo franco com o seu cônjuge sobre tudo o que está acontecendo.

Mas, quando isso acontecer, procure ser o mais centrado possível. Entenda que gritar, brigar ou discutir não irá resolver a situação.

Nesse diálogo, procure entender quais foram as razões para que isso tenha acontecido ou quantas vezes isso ocorreu.

Procure também entender como o seu cônjuge se sente em relação a essa situação. Isso é importante para que você entenda se de fato vale a pena perdoá-lo.

Comunique-se abertamente

Se você resolveu perdoar o seu parceiro e seguir em frente, isso não quer dizer que você não sente mais a dor da traição.

Por isso, a melhor coisa a se fazer é sempre praticar uma comunicação aberta e ativa, para evitar qualquer tipo de brecha.

Se você estiver desconfiada de alguma coisa, deixe o seu parceiro saber. Se ele realmente se arrependeu e está tentando mudar, com certeza irá entender a situação e esclarecer, de modo a excluir essas desconfianças.

Ambos devem ser honestos um com o outro, ouvindo o que cada um tem a dizer a respeito da situação que aconteceu.

Esforcem-se para melhorar o relacionamento

É claro que não existe motivo para traição, por mais decadente que esteja uma relação. Mas, independente disso, se você quer continuar no relacionamento, ambos devem trabalhar para que o ato de estar junto seja ainda mais prazeroso e agradável.

Por isso, procure passar mais tempo junto com o seu parceiro, descubra interesses em comum, combinem de sair da rotina algumas vezes na semana e coisas do gênero.

Busque ajuda profissional

Uma das melhores dicas de como perdoar uma traição é com ajuda de um profissional. Afinal de contas, há vezes em que a dor é grande demais para lidar com tudo isso sozinho.

Então, se esse for o seu caso, procure ajuda de um terapeuta de casal. Eles serão capazes de analisar o caso e indicar ferramentas, formas e estratégias para ajudar a processar a traição e contribuir para o processo de perdão e cura.

Como perdoar uma traição com ho’oponopono?

O ho’oponopono é uma prática muito antiga, a qual contribui para com que as pessoas encontrem o perdão e reconciliação.

Trata-se de uma espécie de mantra, a qual envolve a repetição de quatro frases simples: “Sinto muito”, “Me perdoe”, “Eu te amo” e “Obrigado”.

Por meio dessas frases, é possível sentir o verdadeiro perdão curando as relações danificadas e, assim, promover a paz interior.

Mas, para usar o ho’oponopono para dar o perdão a uma traição, você deve começar se concentrando na pessoa que o traiu.

No entanto, devemos notar ainda que o perdão não quer dizer que você, necessariamente, deve esquecer aquilo que aconteceu ou mesmo voltar como era antes.

Entenda que o perdão é uma maneira de encontrar a paz interior, curando-se a si mesmo e seguir uma vida de paz, seja ao lado da pessoa ou não.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

4 × 2 =